Quer saber qual é o melhor presente para o dia das crianças?

E para todos os outros dias do ano também? Uma alimentação saudável!

 

Parece fácil, mas não é. Requer mudanças de hábitos, paciência e disponibilidade dos pais e principalmente que eles percebam que a criança não tem o entendimento dos imensos problemas que a obesidade pode acarretar à vida adulta. Muito melhor e mais eficiente é prevenir do que remediar.

 

Pesquisas do Ministério da Saúde indicam que 12,9% das crianças brasileiras de 5 a 9 anos são obesas e crianças obesas têm muito mais chances de virar adultos também obesos e sofrerem com as doenças associadas como diabetes e hipertensão ou ainda enfrentar a necessidade de uma cirurgia bariátrica.

 

 

A má nutrição das crianças de hoje está intimamente ligada aos alimentos processados e ultraprocessados da sociedade moderna, e a obesidade pode ser o resultado da soma dessa má nutrição à diminuição da atividade física. Hoje temos crianças que ficam cada vez mais tempo em frente à uma tela iluminada e brincam cada vez menos ao ar livre.

 

 

De acordo com o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta “Os alimentos deixaram de ser manipulados, deixaram de ser colhidos pelos pais, pelas famílias e passaram a ser alimentos processados e ultraprocessados. E nós não tivemos os filtros necessários, e agora estamos colhendo os resultados dessas mudanças tão súbitas dos nossos hábitos alimentares tradicionais”.

 

A prevenção da obesidade começa na infância. Então neste dia da criança, não pense só em presente, mas em saúde!

 

De presente? Dê futuro.

 

COMPUCRS